Cartagena: Vulcão de Lama El Totumo

por Thiago Luiz

08 de agosto, 2015

Cartagena: Vulcão de Lama El Totumo

É até difícil de imaginar um vulcão de lama em pleno Caribe, né? Mas existe. Na verdade na Colômbia tem até neve no caribe, na região da Sierra Nevada (Próxima à Santa Marta). Então, como já era minha segunda vez na cidade, era então a vez de conhecer coisas diferentes. Tive o conhecimento do vulcão lendo o meu inseparável guia Lonely Planet Colombia. Ao contrário de lava, a cratera desse pequeno vulcão é preenchida por lama e, segundo lendas, foi resultado da ação de um padre e sua água benta. Visto que o demônio estava jogando lava para fora do vulcão, o padre transformou a lava em lama, derrotando assim a força demoníaca. Se for verdade eu não sei, mas que essa lama é rica em minerais e faz bem pra pele com suas propriedades terapêuticas... Isso sim é verdadeiro!

#Como Chegar Eu, mão de vaca assumida, preferi arriscar e não fechar pacote direto no hostel que estava hospedado. Então, na noite anterior quando saí para jantar com a brasileira que fiz amizade no hostel, perguntamos aos guardas aonde conseguiríamos ir ao volcão. Como sempre, fomos super bem tratados por eles (como eles amam os brasileiros e os jogadores de futebol) e nos falaram que deveríamos ir cedo ao @Muelle Turistico de la Bodeguita. Na verdade, esse muelle é uma região de cais/veleiros (Marina) em que saem todos os barcos para todos os passeios na Grande Cartagena. E então, foi o que fizemos. Acordamos cedo e fomos direto ao muelle. Lá existem vários operadores instalados que vendem os paquetes para todos os passeios. Para o do vulcão, fomos na qual o guarda indicou. Eu até tinha o nome anotado, porém eu perdi todas as anotações da viagem (azar, mas não é por isso que eu ia deixar de relatar). MAS, quem tem boca, vai-a Roma, não? Resumido: achamos o operador que fazia o tour do vulcão, demos o nome do guarda (para ele ganhar comissão) e economizamos 5 mil pesos colombianos fechando direto com eles. O tuor sai aproximadamente 09h/10h e retorna logo após almoço, as 14h (tour de ½ dia). Ah, o muelle fica próximo da torre do Reloj (entrada principal da cidade muralhada). Bem em frente da muralha. 

porto
Muelle Turístico de la Bodeguita.

Saímos do muelle, fomos até Bocagrande buscar mais um pessoal e então #partiuVulcão. O trajeto demorou cerca de 40min-1hora. No guia da Lonely Planet eles até comentam da possibilidade de ir sem operadora, mas para isso você precisaria pegar taxí + ônibus e talvel + uma moto. Então, faço a minhas palavras a mesma do guia LP: não vale a pena economizar tão pouco para tanto trabalho para chegar. E mais: Os ônibus possuem horários limitados (o que volta, até 15h).

@El Volcán de lodo El Totumo Eu particularmente achei um barato esse passeio. Primeiro, acho chegarmos, percebemos o quão precário é seu entorno. Há algumas casas de madeira para almoço e para trocar de roupa. Como fomos com um tour fechado, tínhamos direito de usar um espaço para trocar de roupa e deixar nossos pertences. Tudo muito simples... Era um locker para todos e o espaço para trocar de roupa era composto por três baias. Também havia banheiro, chuveiros e mesas. Vendiam água de coco também. Então, após preparativos somos apresentados para o “guia local”, que na verdade é um senhor que fica responsável em segurar tua câmara e/ou celular, como também, tirar suas fotos quando estás dentro do vulcão. Logicamente deverá ser pago (5-10mil pesos). Então você sobe até o topo e esperava a sua vez para entrar.

Dentro
Todos atrás do rejuvenescimento.

Sério, é muito bacana e divertida a sensação. Primeiro que você não afunda, mas flutua. Segundo que cada vez que tu tenta se mexer, mar lama invade tua cara.. Eu mesmo mergulhei, lavei cara e cabelo e acabei tomando um pouco de lodo (uma delícia #SQN), mas estou vivo e nem fiquei doente! Há, dentro da cratera tem mais dois rapazes de bonés que te oferecem uma massagem... Fuja, pois é pago e bem fraco.

 
Eu_Dentro
Eu, feliz, e o rapaz de boné ao meu lado trabalhando... A moça estava gostando da massagem.

Então, após sua saída você deve tentar tirar o máximo de lodo possível, desce as escadas e vai para uma lagoa atrás do vulcão, na qual você pode se limpar. Eu fui para um cantão, fiquei peladão e me limpei todo. Ah, também nessa parte aparece umas senhoras oferecendo para te limpar. Lógico, que tens que pagar também. Após essa aventura toda, voltamos pra barraca, nos secamos, trocamos de roupa, pagamos o senhor que tirou as fotos e voltamos pra van.

@Manzanilla Após o vulcão, está incluído no pacote o almoço em um restaurante próximo, numa vila de pescadores na praia de Manzanilla (nada de praia caribenha.. alga turva, porém grande faixa de areia). Na verdade é bem simples e o almoço é ótimo. Existe opção para vegetarianos e pratos com peixe ou frango. Depois do almoço, voltamos pra Cartagena próximo das 14h. 

almoço
Almoço colombiano pós vulcão: uma delícia!!



Comente aqui

Thiago Luiz

Thiago Luiz, 30 anos, servidor público na área de engenharia. Um apaixonado por cidades que ainda não esteve e pelas pessoas que ainda não conheceu!

Mundo Desbravo nas Redes

Facebook

Instagram

Direitos do Autor

Todo o blog MUNDO DESBRAVO está protegido por direitos de autor, exceto quando se indique expressamente o contrário.